Gripe é sinal de imunidade baixa?

O que é a gripe e sua transmissão?

A gripe é uma infecção aguda do sistema respiratório causada por vírus respiratórios, entre eles o influenza, geralmente é benigna e autolimitada. Climas mais frio é favorecem a ação do vírus, isso porque ele sobrevive melhor e encontra mais facilidade de transmissão.

Transmitido facilmente por pessoas infectadas, ao  tossir e espirrar. A gripe  pode ser contraída várias vezes ao longo da vida e,  em alguns casos, pode evoluir para uma forma grave. 

Sinais e Sintomas

Frequentemente é caracterizada no início pelos seguintes sintomas:

  • Febre.
  • Calafrios.
  • Tremores.
  • Dor de cabeça.
  • Mal-estar.

 

Podem ainda estar presentes sintomas respiratórios como tosse seca, dor de garganta e coriza e um quadro febril (temperatura superior a 37,8°C). Na maioria das vezes, em 5 a 7 dias, o paciente está bem e com a infecção resolvida. 

Tratamento

Na maioria dos casos é suficiente o tratamento com analgésicos, antitérmicos, lavagem nasal, repouso e hidratação.

Em outros, é indicado medicamentos antivirais e antibióticos, no caso de infecção bacteriana oportunista. O tratamento com antivirais é específico para algumas situações e só tem eficácia se for administrado nas primeiras 48 horas a contar do início dos sintomas, portanto cabe ao médico decidir quem pode beneficiar-se com sua indicação.

Cuidados que se deve ter:

A prevenção da gripe consiste em alguns cuidados básicos, aliados com a vacina. 

Veja alguns deles:

  • Mantenha hábitos saudáveis: tomar água, alimentação saudável, dormir bem e a prática de atividade física.
  • Lave sempre as mãos com água e sabão.
  • Evite lugares com grande aglomeração de pessoas.
  • Cubra o nariz e a boca sempre que for tossir e espirrar. 
  • Mantenha o uso de máscaras, caso esteja gripado, isso evita a contaminação de outras pessoas.

Vacinação

Segundo o Ministério da Saúde a vacina protege contra três apresentações do vírus influenza: A, B e C. O tipo C, causa infecções respiratórias brandas, diferente da B e A, responsáveis por epidemias sazonais como: A (H1N1), A (H3N2) e B. 

A eficácia da vacina da gripe varia de 30% a 70%, dependendo da faixa etária. Em crianças varia de 30% a 90%. Quando elas têm menos de seis anos de idade a eficácia gira em torno de 40 a 80%. Já crianças com mais de seis anos a taxa é maior de 70% a 100%.

Grupos elegíveis para vacinação

  • Crianças de 6 meses a menores de 6 anos de idade (5 anos, 11 meses e 29 dias).
  • Gestantes (em qualquer idade gestacional).
  • Puérperas (mulheres até 45 dias após o parto).
  • Pessoas com 60 anos ou mais.
  • Povos indígenas aldeados.
  • Trabalhadores de saúde dos serviços públicos e privados.
  • População privada de liberdade e funcionários do sistema prisional.
  • Professores de escolas públicas e privadas.
  • Portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais.

Veja mais
>>> É possível se prevenir da rinite alérgica?
>>> Vacina para alergia

  • Gripe é sinal de imunidade baixa?
  • Asma e Covid-19
  • Dermatite Atópica
  • Vacina para Alergia
  •  
    CRM SP: 68816

    Santo André – SP

    (11) 2866-6681 | (11) 99914-6681

    contato@clinicarosananeves.com.br

    Desenvolvido por Clikas Digital